Djavan canta em Manaus e mata saudades das iguarias locais
05 de março de 2008.

MANAUS – O cantor e compositor Djavan é um dos maiores músicos do Brasil. Ele se apresenta em Manaus na próxima sexta-feira (07), no Studio 5 – Centro de Convenções. Em entrevista a um veículo local, ele não esconde sua paixão pelo Amazonas. Djavan é alagoano, mas vive e trabalha no Rio de Janeiro.

Foram quase quatro anos sem fazer shows na cidade, suficientes para deixar o músico com saudades. “É uma alegria muito grande poder voltar ao Amazonas. Adoro essa terra, adoro a natureza, a diversidade cultural, os hábitos e a culinária. Gosto de tudo aí em Manaus”, afirmou ele

Sem pensar dua vezes, falou o que pretende aproveitar da cidade enquanto estiver aqui. “Pretendo aproveitar pra comer os peixes de água doce delicisosos que vocês têm. Também gosto muito das frutas da região e do açaí. Sei que o açaí é mais forte em Belém, mas gosto muito do que tem em Manaus”, afirmou ele.

Turnê “Matizes”

Mas o prato principal da visita de Djavan a Manaus será a sua música. Com a turnê ‘Matizes’, que divulga o álbum homônimo, lançado no segundo semestre do ano passado, Djavan vai apresentar uma mistura de grandes sucessos com músicas do novo CD.

– O show é novo, estreou em outubro, mas já fizemos algumas mudanças de repertório, de som e de cenário. O show está muito bem ensaiado, gostoso de se ouvir, afirma.

Do CD novo, Djavan afirmou que deve tocar seis músicas. Entre elas, a música de trabalho, ‘Pedra’, e a suave, porém polêmica, ‘Imposto’, que traz versos como “Pra onde vai tanto dinheiro?/ Vai pro homem que recolhe o imposto/ Mas o homem que recolhe o imposto é um impostor”. “Essas duas músicas têm sido muito bem recebidas pelo público”, disse o cantor e compositor, que não vai deixar de fora do repertório clássicos como ‘Meu Bem Querer’, ‘Oceano’, ‘Um Amor Puro’, ‘Lilás’ e ‘Sina’, entre tantas outras.

No show, Djavan toca ao lado dos filhos João Viana (bateria) e Max Viana (guitarra), além do tecladista Renato Fonseca , do baixista Serginho Carvalho e do trio de metais Marcelo Martins, François Lima e Walmir Gil. À exceção do trio de metais, os músicos estão com ele há quase sete anos. “Além de tocarem juntos há muito tempo, são artistas que formam um time que se gosta muito. São pessoas adoráveis ”, elogiou.

Ingressos

Quem quiser aproveitar a oportunidade de assistir Djavan de perto deve correr para comprar os ingressos que já estão perto do fim. Os valores são: R$ 40 (pista), R$ 90 (frisa), R$ 100 (cadeira numerada) e R$ 120 (camarote). Os valores divulgados são de meia-entrada. Os postos de venda são: Ótica Veja, Fábrica de Eventos (Amazonas Shopping), Farma Bem, Mika’s Chopp e Studio 5.
 
Fonte: Diário do Amazonas