violenciamulher-grande.jpgEm pleno século XXI, ainda existem muitas mulheres que sofrem em silêncio situações de violência doméstica. Em Manaus, os números são cada vez maiores. Este ano, mais de sete mil já recorreram a Delegacia da Mulher para denunciar maus tratos e agressões, na maioria das vezes, causadas pelo próprio companheiro.

No passado dia 22 de Setembro entrou em vigor a lei Maria da Penha, em homenagem a uma vítima de agressão que ficou paraplégica depois de ser atingida a tiro pelo marido, no estado do Ceará. Com a nova lei o infrator que cometer crimes de violência contra a mulher pode cumprir até três anos de prisão.

Na antiga lei, o infractor que cometesse qualquer tipo de violência contra a mulher era punido apenas com o pagamento de cestas básicas a instituições filantrópicas ou trabalhos comunitários.

Pelos dados da delegacia especializada em crimes contra a mulher, de Janeiro a Agosto do ano passado, foram registados 6 mil 180 casos de violência. Em 2006, no mesmo período, os ataques contra a mulher foram ainda maiores: 7 mil 109 registos.